quarta-feira, maio 14

"Por isso cuidado meu bem / Há perigo na esquina / Eles venceram e o sinal / Está fechado para nós / Que somos jovens..."


"Neste 2008, o movimento estudantil relembra 4 décadas de um ano que valeu por uma eternidade. Em 1968, a juventude vivia uma revolução de valores - sexual, comportamental e política. No Brasil o movimento estudantil atingia seu ápice e, em junho de 68 marcharam 100 mil na Passeata da Candelária, no Rio de Janeiro, todos em defesa de um país mais justo, pelo fim da repressão e contra o autoritarismo e a violência da ditadura. Em São Paulo, no entanto, a força conservadora mostrava sua cara e a Rua Maria Antônia - que abrigava a esquerdista Filosofia da USP e a direitista Universidade Mackenzie - promovia sua guerrilha. Foi o primeiro sinal de destituição do movimento estudantil, que veio a colocar o pescoço na corda no XXX Congresso da UNE, em Ibiúna. Lá, foram presas e torturadas as principais lideranças.No fim do mesmo 68, no dia 13 de dezembro [meu níver, argh] era decretado o AI-5, que retirava de vez todos os direitos dos brasileiros.

40 anos depois, é provável que a mesma oportunidade de revirar a ordem da geração de 68 esteja dando sopa para nós. Maior herança daqueles tempos não há. Assim como devemos nos inspirar naquele ímpeto reformista, é necessário atualizarmos as bandeiras e ampliar o debate. O que se repete, no entanto, é a chance de se promover mudanças. Resta à nova geração tentar, pois o erro é permanecer omisso. "

A União Nacional dos Estudantes promove durante todo o mês de maio eventos para homenagear as lutas do movimento estudantil. Hoje, dia 14, a UNE realizou dois eventos simultâneos em São Paulo e no Rio de Janeiro, dentro da programação do Memória 68: 40 anos.

Aqui na capital paulista, a entidade recebeu em sua sede grupos de teatros interessados em encenar a Batalha da Maria Antônia, relembrando os confrontos entre os estudantes da Filosofia da USP contra os direitistas do Mackenzie.
Coordenado pelo Instituto Tá Na Rua, o ato foi realizado hoje aqui na Rua Maria Antônia, em frente ao TUSP.

No Rio, ocorreu um jantar da campanha Meu Apoio é Concreto, em prol da reconstrução da sede nacional da UNE, na Praia do Flamengo, 132. Militantes do Movimento Estudantil de ontem e de hoje, artistas do CPC e do Cuca da UNE, amigos e apoiadores da causa se reuniram no Restaurante Lamas, histórico por ter sido onde o ex-presidente Itamar Franco devolveu a posse do terreno aos estudantes.

Já no dia 15 (amanha), a juventude poderá participar dos eventos da Caravana da Anistia. Além da presença de autoridades e representantes da sociedade civil, a UNE contará com apresentações teatrais relacionadas às manifestações estudantis que marcaram 1968, uma Sessão Extraordinária de Julgamento da Comissão de Anistia e uma roda de samba, que encerra as atividades.

Saiba mais no site da UNE

Fonte: http://blogdopetta.blig.ig.com.br/

6 comentários:

  1. Como assim a senhorita não e contou nada sobre esses eventos! Vc foi, foi legal?
    Nossa Ju, me sinto envergonhada de ver o que eles fizeram e o que eu faço. A gente não só pode como deve mudar a ordem vigente.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Ju,

    o importante é saber, que os quadrados utilizaram d golpe baixo ao matar um estudante da USP, e depois vergonhosamente colocaram a culpa nos coitados dos policiais...

    provas??
    não...
    o que a policia tinha contra a usp?
    nada...
    o que o mackenzie tinha contra a usp?
    muita maldade...
    e se dizem um grup "direito", tesc tesc


    e tenho diro

    ResponderExcluir
  3. Omissão? acho que esse é o lema da nossa geração alem do comodismo que impera no mundinho dos egositas que mal conseguem se desvincular da propria roda de amigos e movimentar-se para um bem ou para a melhoria....

    dificil de acreditar...
    mas éa real...
    e isso não é estimulado em canto algum... muito dificil se ver onde ocorre essas divulgacoes como a sua Ju...
    em casa alguem ouve falando dessa e outras " revolucoes"???

    e quais faculdades???


    ótimo post

    bjokas!

    ResponderExcluir
  4. Iaiii ju! Deve me adicionar aos favoritos! ahahah ja te adicionei...
    obrigado pelo elogio!

    sobre seu post, tenho vergonha de dizer que sou jovem brazileiro, não por todos os jovens mais por mim mesmo.... falo, flao, falo, reclamo reclamo reclamo... mas acabo não saindo pra rua! não fazendo nada!
    mas tenho esperança em imm mesmo, que ainda vo me rebelar! de forma mais explicita
    heoahoea

    ResponderExcluir
  5. Parabens pela estrutura e conteudo de seu blog, Forte abraço Renato Artesanato em MDF

    ResponderExcluir